Você está em: Início / Notícias / Edvaldo entrega reforma da Praça dos Expedicionários aos aracajuanos

Edvaldo entrega reforma da Praça dos Expedicionários aos aracajuanos

24/11/2017
Recuperar um espaço público ao mesmo tempo em que se resgata seu caráter histórico e cultural. Foram estas as motivações do prefeito Edvaldo Nogueira ao retomar as obras da requalificação da Praça dos Expedicionários, no bairro Getúlio Vargas. A entrega do espaço reformado à população ocorreu na noite desta sexta-feira, 24. A obra foi realizada em parceria com o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), num investimento de pouco mais de R$ 1 milhão. O governador Jackson Barreto, o vice-governador Belivaldo Chagas, a vice-prefeita Eliane Aquino, o ex-governador Albano Franco, além dos vereadores da cidade prestigiaram a inauguração. 
 
"É grande a alegria no meu coração, pois esta praça tem um significado importante para nossa cidade. É uma praça que tem história, é símbolo da resistência, da luta e que foi feita para homenagear estes homens que foram corajosamente a Itália, que sofreram a dor da guerra, que saíram do Brasil para defender a liberdade, a democracia e derrotar o nazismo e o fascismo, que eram um mal para a humanidade. Revitalizar esta praça é homenagear um centro muito importante da nossa cidade, onde ocorreram muitas lutas operárias. Revitalizar essa área é recuperar a história da nossa cidade e trazer dignidade para os moradores e para o comércio que se estabeleceu aqui. Fiquei muito feliz de poder retomar, apressar as obras e entregar uma praça que estava planejada para ser feita e ficou muito tempo parada", afirmou Edvaldo.
 
Durante a solenidade, o prefeito realizou uma homenagem a Sizenaro Azevedo Faro, um dos sergipanos que lutou na 2ª Guerra Mundial. Edvaldo entregou a Medalha da Ordem do Mérito Serigy, a mais alta comenda municipal, a Túlio José Azevedo Faro, filho do homenageado, que faleceu no ano passado. Tal iniciativa se deu como forma de realçar a importância da Praça dos Expedicionários, criada para homenagear os homens e mulheres que, durante a guerra integraram a Força Expedicionária Brasileira (FEB), constituída para representar o Brasil no apoio aos aliados.
 
"Quero externar a grande emoção que todos nós da família estamos sentindo. É grande a alegria pelo reconhecimento do trabalho do meu pai e dos demais combatentes. A criação desta praça foi um sonho deles. Hoje vejo esse sonho renovado graças a parceria entre a prefeitura e o IPHAN. Ao prefeito, quero dizer da gratidão que tenho pela lembrança de homenagear meu pai, destacou o filho do homenageado.
 
Sizenaro nasceu em 28 de julho de 1923, em Santa Rosa de Lima. Ele foi militar, 1º Tenente de Infantaria, tendo participado efetivamente da 2ª Guerra Mundial. Ao sair do Exército, ingressou no quadro de auditores do Ministério da Fazenda. Nos anos 60, com a criação da Receita Federal, foi convidado para integrar o quadro de auditores da Receita Federal, onde permaneceu até aposentar-se. Faleceu em 11 de junho de 2016.
 
Compromisso
 
Para o governador Jackson Barreto, a praça "tem muito a ver coma história do Brasil, do mundo e de Sergipe". "Aqui foi construído um monumento em homenagem a esses pracinhas que estão sendo homenageados hoje como Sizenaro Azevedo Faro, como o nosso saudoso major Luiz Tavares", destacou o governador, elogiando o trabalho do prefeito Edvaldo Nogueira. 
 
"Edvaldo está de parabéns porque a requalificação dessa área diz muito do seu compromisso. Todo mundo sabe o que foi feito aqui na avenida São Paulo, no governo de Déda, no governo de Edvaldo, e ele continua com a mesma saga. Eu fico feliz porque participei dessa vitória de Edvaldo e eu sinto Aracaju ficando mais bonita, mais organizada, mais requalificada. As pessoas voltando a se apaixonar pela cidade", complementou.
 
De mesmo modo, a vice-prefeita Eliane Aquino ressaltou que a requalificação do espaço representa mais cidadania para a comunidade. "Uma obra que ficou praticamente um ano parada, sem conclusão. E foi uma obra que foi pensada lá atrás, na gestão de Edvaldo Nogueira. Então, você chegar nesse momento, ter essa praça, que foi uma obra linda, que resgata cidadania e a possibilidade de as crianças estarem aqui é, simplesmente, cidadania, respeito e dignidade. Aracaju  está de parabéns. Aracaju precisa ser feliz", disse.
 
Os moradores também reconheceram a importância da reforma da Praça dos Expedicionários. "Me sinto feliz, pois esta nova praça vai proporcionar lazer para os moradores. A praça estava destruída, mas agora está uma maravilha. Parabéns ao prefeito Edvaldo", afirmou Lúcia Santos. Já o senhor Jorge Dória, que reside nas proximidades da praça, fez um apelo aos moradores para que zelem pelo novo espaço. "O prefeito investiu muito aqui. A gente sabe disso. Agora vai depender da comunidade entender que é um presente e zelar por este espaço. Somos gratos ao prefeitos por isso. Aqui estava abandonado", frisou. 
 
A obra
 
O espaço no bairro Getúlio Vargas, em Aracaju, que foi completamente urbanizado, é um marco urbano e símbolo da história da cidade. Possuindo uma área de 6 mil metros quadros, a obra incluiu pavimentação, construção de 28 bancos, recuperação dos monumentos históricos, implantação de nova iluminação e paisagismo, preservando 16 árvores que foram plantadas no século passado e que hoje possuem um valor simbólico para a praça, destacando, também, a importância para a preservação de espécies nativas e que embelezam o espaço urbano.
 
A obra contemplou, também, a manutenção do entorno da praça, melhorando o aspecto das calçadas e ruas. Entre a antiga estação ferroviária desativada e a praça foi construída uma lombofaixa, para a travessia segura de pedestres. Além disso, também foi realizada a restauração do monumento central, que homenageia os sergipanos que lutaram pela Força Expedicionária Brasileira, com a implantação de painéis artísticos onde foram gravados os nomes dos ex-combatentes.
 
O representante do IPHAN, Robson Almeida, destacou que a requalificação da praça significa "aproximar o patrimônio histórico da população". "Queremos inserir assim a nossa história das pessoas. É um grande prazer para o IPHAN ter realizado este projeto em parceria com a prefeitura de Aracaju", frisou. 
 
fonte: ASN

Veja também